SCR - Sistema de Informações de Crédito do Banco Central

Finalidade e uso das informações do sistema:

           

O Sistema de Informações de Crédito do Banco Central - SCR é um instrumento de registro e consulta de informações sobre operações de crédito, avais e fianças prestados, e limites de crédito concedidos por instituições financeiras a pessoas físicas e jurídicas no país.

Atualmente, são armazenadas no banco de dados do SCR as operações dos clientes com responsabilidade total igual ou superior a R$ 200,00 (duzentos reais), a vencer e vencidas, e os valores referentes às fianças e aos avais prestados pelas instituições financeiras a seus clientes, além de créditos a liberar contabilizados nos balancetes mensais.

Esses dados são compartilhados com as instituições participantes, contribuindo para diminuir a inadimplência e melhorar a gestão do risco de crédito.


Forma de consulta às informações do Sistema:

Instituições Financeiras: desde que devidamente autorizadas por seus clientes, podem ter acesso aos dados. A existência de autorização é declarada pela instituição no momento do acesso aos dados. A não observância dessa regra sujeita as instituições às penalidades previstas em lei. As informações acessadas pelas instituições financeiras apresentam dados consolidados dos clientes, não trazendo detalhes da operação, nem a identificação da instituição credora ou o nível de classificação de risco.

Pessoas Físicas e Jurídicas: podem se cadastrar junto ao Banco Central, através do telefone abaixo, para acessarem gratuitamente via internet, os dados prestados a seu respeito pelas Instituições Financeiras. Além disso, o Banco Central, por meio de suas Centrais de Atendimento ao Público - CAPs, fornecem aos requerentes relatórios detalhados de suas informações no sistema. Os clientes acessam exclusivamente os seus próprios dados, sempre com um número maior de informações que aquele obtido pelas informações financeiras.

Atendimento ao Público: 145

Endereço do SCR na internet: www.bcb.gov.br


Procedimentos necessários para correção, exclusão e registro de medidas judiciais e de manifestação de discordância quanto às informações do sistema.

           

As informações remetidas para fins de registro no SCR são de exclusiva responsabilidade das instituições, inclusive no que diz respeito às inclusões, às correções, às exclusões, às marcações sub judice e ao registro de medidas judiciais e de manifestações de discordância apresentadas pelos contratantes. Assim, somente a instituição responsável pela inclusão da informação no SCR pode alterá-la ou excluí-la.

Se os seus dados estiverem errados, você deve, em primeiro lugar, solicitar a retificação à instituição responsável pela informação. Caso não haja entendimento entre as partes, você pode registrar reclamação na Central de Atendimento ao Público do Banco Central ou questionar, na esfera judicial, a instituição financeira responsável pelo lançamento considerado inexato.

A exclusão de clientes do SCR por decisão judicial pode ser feita para pessoas físicas ou jurídicas sem operações identificadas no SCR. O propósito desta medida é evitar que as Instituições Financeiras tenham que realizar um acompanhamento constante da situação de clientes cujo montante de responsabilidade total esteja em torno de R$ 200,00 (duzentos reais). Assim, mesmo que em data futura o débito do cliente.


Esclarecimento de que a consulta sobre qualquer informação do sistema depende de prévia autorização do cliente de operações de crédito.

De acordo com a Resolução 4.571/2017, do Conselho Monetário Nacional, as Instituições Financeiras poderão consultar as informações consolidadas por cliente constantes do sistema, desde que obtida autorização específica do cliente para essa finalidade. Assim, o SCR preserva a privacidade do cliente, pois exige que a Instituição Financeira possua autorização expressa do cliente para consultar as informações que lhe dizem respeito.

 

Voltar

 

2019 © SICOOB COCRED. Todos os Direitos Reservados.